domingo, 15 de janeiro de 2017

Por que não sou feminista? Jovem surpreende as redes com resposta clara

Brittany. Foto: Captura Youtube

WASHINGTON DC, 12 Jan. 17  (ACI).- “Esta ideologia é completamente tóxica. São mentiras”. Assim Brittany, uma jovem blogueira que vive na Califórnia (Estados Unidos), descreve o feminismo em um vídeo que viralizou nas redes sociais, intitulado “Por que não sou feminista?”.

Em seu vídeo, legendado ao espanhol pelo canal do YouTube ‘La Contra TV’, a jovem norte-americana assegura que sua primeira razão para não ser feminista “seria que me nego a ser uma vítima e o feminismo é uma forma moderna de vitimismo”.

Ironicamente, Brittany se define como “membro feminino do patriarcado” e “pró-senso comum”.

“Basicamente, as feministas pensam que as mulheres são oprimidas, mas não há nenhum patriarcado invisível que nos mantém submetidas, nem os homens têm reuniões supersecretas para conspirar contra nós”.

Para Brittany, “se de verdade houvesse um patriarcado, estaria sendo fatal”.

A jovem critica também que “há um montão de feministas que dizem que as mulheres são fortes, independentes, que somos o máximo, e também poderosas e tão incríveis quanto os homens. Mas, ao mesmo tempo, querem que nos proteja de qualquer tipo de crítica, qualquer tipo de insulto que elas acreditem que seja inapropriado”.

As feministas, assinala, “dizem que querem fazer ouvir a voz das mulheres, mas a única coisa que querem fazer ouvir é uma determinada ideologia de esquerda feminista”.

“Se você é uma mulher de ideias conservadoras, vão querer que você feche a boca maldita. Não lhes importa a sua opinião, não lhes importa a sua voz, não lhes importa a opinião das mulheres de verdade, somente lhes importa a voz de certas mulheres, mulheres normalmente de esquerda”.

A “explosão” das delações que mostrarão ao Brasil o “verdadeiro” Lula


Posted on 14 de janeiro de 2017 by CristalVox
EDUARDO CUNHA (NAVIOS SONDA): O ex-deputado Eduardo Cunha pode detalhar o que fez com os US$ 5 milhões que ganhou na compra de navios-sonda pela Petrobras; 

LÉO PINHEIRO (TRÍPLEX NO GUARUJÁ): Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS, pode contar como foi o negócio que fez com Lula no caso do triplex do Guarujá; 

OTÁVIO MARQUES DE AZEVEDO (O RECALL DA ANDRADE): O ex-presidente da Andrade Gutierrez, Otávio Marques de Azevedo, pode explicar como foram as propinas de obras no Rodoanel; 

ANTONIO PALOCCI (O CAIXA): O ex-ministro Antonio Palocci pode falar sobre a contabilidade do dinheiro que recebia da Odebrecht e repassava para o PT e especialmente para Lula. Conteúdo Isto É, assinado pelo jornalista Aguirre Talento.

O Supremo Tribunal Federal (STF) já está se preparando para receber uma nova leva de delações premiadas. O ex-presidente da OAS, Léo Pinheiro, o ex-ministro Antonio Palocci, e o ex-deputado Eduardo Cunha devem fazer delações e apavoram o ex-presidente Lula, que já é réu em cinco ações penais. Léo Pinheiro deve dar mais detalhes de como financiou bens privados de Lula, como o triplex do Guarujá. Já o ex-ministro Palocci deve contar sobre como ajudou a transferir para o ex-presidente dinheiro de propina que lhe foi repassado pela Odebrecht.

O ex-deputado Eduardo Cunha também assusta Lula, porque foi durante o governo petista que ele atuou em negócios com a Petrobras que lhe renderam milhões de reais em propinas, como na compra na Coréia de navios-sondas da Samsung. Nesses negócios, em 2008, Cunha ganhou mais de US$ 5 milhões em propinas, que acabaram depositadas na Suíça. Mas Cunha pode encrencar também seus amigos do PMDB, sobretudo ministros do governo Michel Temer, como o Moreira Franco (da secretaria de privatizações) e Eliseu Padilha (Casa Civil).

Além dessas explosivas delações, há também o recall que a delação dos 77 executivos da Odebrecht deve provocar. Juízes da equipe do ministro do STF, Teori Zawascki, que analisam os depoimentos de executivos da Odebrecht, constataram que será necessário que alguns delatores de outras empreiteiras, como da Andrade Gutierrez e Camargo Corrêa, voltem a prestar novos depoimentos, para esclarecer fatos que vieram à público agora. Houve executivo que mentiu ou omitiu coisas agora reveladas pela Odebrecht.

Com a assinatura do acordo de delação premiada da Odebrecht e sua provável homologação pelo STF após a volta do recesso do Judiciário, os investigadores da Lava Jato vão se deparar com uma demanda reprimida de antigas e novas delações. No primeiro caso, delatores que não revelaram tudo que sabiam vão ter que prestar novos esclarecimentos sobre fatos omitidos em seus depoimentos e que podem lhe render problemas perante a Justiça. Em tese, essa omissão poderia significar o rompimento da delação, provocando a perda dos benefícios do acordo. Além desses, novos colaboradores em negociação com o Ministério Público Federal devem ajudar a desvendar as peças do quebra-cabeças de corrupção sistêmica que se apossou da Petrobras e outros órgãos públicos durante a gestão petista.

A expectativa dentro da Lava Jato é que executivos de duas empreiteiras, a Andrade Gutierrez e Camargo Corrêa, façam os chamados “recall” em suas delações, porque os investigadores descobriram indícios de crimes que seus executivos não haviam contado anteriormente. Isso aconteceu principalmente por meio de novas delações premiadas. No caso da Andrade, o ex-presidente da empresa, Otávio Marques de Azevedo, deve prestar novo depoimento. Os procuradores querem saber detalhes de irregularidades em obras da gestão tucana de Minas Gerais, enquanto a Camargo deve contar fatos relacionados à construção do Rodoanel em São Paulo. Esses depoimentos ainda estão sob negociação com os procuradores, que querem uma justificativa factível para a omissão desses fatos, para definir se romperão os acordos ou se podem mantê-los.

Também o ex-senador Delcídio do Amaral (ex-PT-MS), que foi preso pela Lava Jato em novembro de 2015 e pouco tempo depois assinou uma delação, deve ser colocado contra a parede para esclarecer fatos que não revelou. Isso porque a delação da Odebrecht trouxe a público relatos de pagamentos de propina a Delcídio em troca da obtenção de sua ajuda na aprovação de medidas no Congresso Nacional que eram de interesse da empreiteira. Nada disso havia sido contado por Delcídio em sua delação, o que pode complicar a sua situação, já que o ex-senador só deixou a prisão depois de ter assinado o acordo. Hoje, ele vive uma espécie de retiro em sua fazenda, no interior do Mato Grosso do Sul.

sábado, 14 de janeiro de 2017

Presidente do Conselho Municipal de Saúde vai tomar providências em relação aos postos de saúde fechados


Vários postos de saúde localizados na Zona Rural do Município de Barrocas seguem fechados. Diante dessa situação, o Presidente do Conselho Municipal de Saúde Robenildo Brito (foto) afirma que já está tomando providências para regularizar a situação.

"Depois de uma reunião com o Ministério Público no dia 12/12 dobramos a nossa obrigação e ficamos na missão de monitorar minuciosamente os serviços de saúde do município de Barrocas. Desde a última quinzena de dezembro de 2016 e a primeira de Janeiro de 2017, averiguando a disponibilidade dos medicamentos da lista da RENAME (Relação Nacional de Medicamentos da Assistência Básica), medicação do hospital postos de saúde e CAPS, ver de perto a medicação disponível na Farmácia da Bahia se esta ou não suficiente para atender as necessidades do município além de acompanhar as escalas de médicos, dentistas, enfermeiros, técnico de enfermagem entre outros profissionais da assistência direta, para assim, juntos com o Ministério Público fazer garantir os direitos de cada cidadão e cidadã à saúde. Fizemos encaminhamentos durante esse tempo por e-mail e agora entregamos no ministério público um relatório situacional da saúde do município de Barrocas durante estes dias inclusive sobre janeiro.

Robenildo disse ainda que nos próximos dias irá visitar às unidades de saúde do município para verificar a situação: "Estaremos visitando os Postos de Saúde, o Hospital e o CAPS para ver de perto a realidade. Bem como iremos sentar com a Secretaria de Saúde para entendermos o que está acontecendo já que estamos no dia 12 de janeiro e os serviços básicos não estão sendo garantidos aos cidadãos. Recebemos muitas denúncias de postos fechados e de falta de transporte para as viagens de tratamento médico para outros municípios", informou.

Segundo o Presidente, depois das visitas e da conversa com a secretária, será dado um prazo para a gestão se adequar. Caso as denúncias se confirmem e a situação não se normalize, providências serão tomadas junto ao Ministério Público.

Questionado se há recursos específicos para o município manter os Postos de Saúde funcionando, Robenildo foi taxativo: "Com certeza as vebas para pagar os serviços de saúde da Atenção Básica são federais, 'verbas carimbadas', recursos não são o problema, nunca foram", afirmou.

Na próxima segunda-feira (16), o Conselho de Saúde irá se reunir para deliberações.

@ Nossa Voz - Por Daniele Oliveira

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Lula sente na pele o peso da hostilização num evento de militantes de esquerda


Tudo estava preparado para que Lula fosse festejado, mas algo não deu certo e no 33.º Congresso da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), em Brasília, nesta quinta-feira (12) um grupo de militantes da Central Sindical e Popular-Conlutas (CSP), hostilizou o ex-presidente.

Aos gritos de ‘Fora Temer, fora todos’ e ‘Lula não nos representa’, o grupo virou as costas quando Lula começou a falar.

A situação que se apresentou foi totalmente inesperada. Lula achincalhado num ambiente absolutamente ‘familiar’, onde, em tese, só deveria ter militantes pró o ex-presidente.

A conclusão é de que o Lula já não é unanimidade nem entre os mais ardorosos petistas.

Lula ficou visivelmente abatido diante do ocorrido.


quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

PREFEITURA MUNICIPAL DE BARROCAS REALIZA SERVIÇOS EMERGENCIAIS


Prefeitura inicia reforma das principais estradas vicinais do município

Por: Eraldo Ferreira
A prefeitura Municipal de Barrocas ... iniciou nesta manhã de segunda feira (9), a reforma das principais estradas vicinais, com uma moto niveladora e um carro pipa. Os trabalhos estão sendo aprovados pela população.

O prefeito ... disse que entre os 60 dias a população terá as principais estradas que cortam os municípios vizinhos e povoados totalmente reformadas dando assim melhor condições de transporte e segurança a todos...
Para seu Pedro de Lela morador do Bairro Cedro, já estava passado a hora de reformar as estradas...
Para dona Neinha de Dé, moradora da Estação, a estrada estava incomodando até nós que andamos a pé, com tanta buraqueira e costela de vaca, agora com esse serviço, tá ficando chik disse em risos...

Leia na íntegra aqui: 

Redação: ODiaNews



PREFEITURA DE BARROCAS CUIDA DA LIMPEZA DAS RUAS



Prefeito de Barrocas acompanha de perto limpezas nas vias públicas

Na manhã da quarta-feira, dia 11 de janeiro, o prefeito José Jaílson Lima Ferreira... disponibilizou caminhões e maquinários para ser realizada a limpeza das vias pública... problema antigo e bastante constrangedor para os moradores que conviviam diariamente com destroços nas ruas da cidade, sem contar com areias e outros materiais que alguns moradores colocam nas calçadas, forçando os pedestres a andarem nas ruas junto com os veículos, podendo causar até acidentes graves.

Sendo assim, Jai de Barrocas se fez presente no início dos trabalhos e falou da importância de estar realizando esse serviço, “Pra mim..., não é só uma obrigação, mas um prazer enorme que tenho de manter limpas as ruas que o povo circulam diariamente, além de outros serviços que já estou também iniciando”. Salientou o Prefeito.

Em conversa o secretário de obras garantiu que em no máximo 3 dias as ruas da cidade devem estar todas limpas, restando apenas os materiais que os moradores colocam nas calçadas serem retirados para outro ambiente.

Resta agora os moradores se conscientizarem e limpar as calçadas para que os pedestres possam andar com segurança.

Leia na íntegra aqui

Redação: Barrocas No Ar
Por: Arielson Junior

Com sérios problemas judiciais, Renan pede a Temer o comando da Polícia Federal

Presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL)
O presidente do Senado, Renan Calheiros, busca formas para não perder regalias do governo e ser 'superior hierárquico' da Polícia Federal.  

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), está mostrando que não ficará satisfeito com a perca de poder, pois em fevereiro ele já será substituído de seu cargo. Agora, ele está pressionando o presidente da República, Michel Temer, a nomeá-lo ministro de algum seguimento.

Ao perder o poder do Senado, #Renan Calheiros ficaria impossibilitado em usar aviões da Força Aérea Brasileira (FAB), mas caso consiga uma posição de ministro, os jatos e aviões federais continuarão a obedecer as ordens de Renan. Os peemedebistas demonstram que não querem que Renan fique como líder da bancada no Senado Federal.

Informações apontam que o interesse de Renan é se tornar ministro da Justiça, pois, com isso, ele iria comandar toda a Polícia Federal. Michel Temer também foi pressionado com mais um pedido: Renan não quer ocupar ministérios de pouca irrelevância, nada de "segunda classe", seu interesse é ser um ministro de "primeira linha" no governo federal.

Se o presidente Michel Temer acolher os pedidos de Calheiros, a Polícia Federal que investiga cerca de 12 inquéritos contra o presidente do Senado, ficará sob "escolta" de Renan. Michel Temer também poderá ser alvo de protesto no Congresso Nacional.

Eleições da Câmara dos Deputados

Além de se preocupar com um novo cargo para ministro do governo, Renan também está ajudando na reeleição de Rodrigo Maia (DEM) na Câmara dos Deputados. Neste último fim de semana, Renan recebeu Maia e deputados para um almoço, na qual aproveitou para homenagear o trabalho do presidente da Câmara.

Maia também busca apoio em partidos de esquerda, como o Partido dos Trabalhadores (PT) e Partido Comunista do Brasil (PCdoB). Essa atitude fez com que internautas dissessem nas redes sociais que Rodrigo Maia estaria buscando um pacto "com o diabo". O deputado Pauderney Avelino, do Democratas, respondeu internautas dizendo que o DEM é um partido que todos podem confiar e devem ficar calmos, pois o partido não iria mudar a posição política e trabalhar de forma esquerdista.